quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Bem falar português!

O marido, ao chegar em casa, no final da noite, diz à mulher que já estava deitada :
- Querida, eu quero amá-la.
A mulher, que estava dormindo, com a voz embolada, responde:
- A mala...?! Ah, não sei onde está! Use a mochila que está no armário do quarto de visitas.
- Não é isso querida, hoje vou amar-te.
- Por mim, você pode ir a Marte, a Júpiter, a Saturno e até à merda, desde que me deixe dormir em paz!!!

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

O Comboio!

Uma senhora vai ao Ikea comprar um armário novo. Para que lhe saia mais barato, compra um em kit. Ao chegar a casa, monta-o e fica perfeito.
Nesse momento passa o comboio (ela mora junto à estação de comboios) e o armário desmonta-se todo. Monta novamente o armário. E este volta a cair com o passar do comboio. À terceira tentativa falhada, telefona para a Ikea e exige a presença de um técnico.
O técnico chega, monta o armário e, quando passa o comboio desmonta-se todo. O técnico monta novamente o armário, passa outro comboio e, armário novamente desmontado. Então, o técnico tem uma brilhante ideia.
- Escute, minha senhora, eu vou montar novamente o armário, meto-me lá dentro e espero que passe o comboio para ver porque é que o armário se estás desmontar. E assim fez.
Nisto o marido entra no quarto e diz:
- Querida, que armário tão bonito! - e abre a porta. Ao ver o técnico da Ikea pergunta:
- O que é que você faz aí?
Este responde:
Estou quase tentado a dizer-lhe que vim comer a sua mulher. Porque, se lhe digo que estou à espera do comboio, não vai acreditar.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

A Mosca!

No Alfa de Lisboa para o Porto viajava uma loira de curvas estonteantes capaz de dar a volta à cabeça de um santo.
Ao seu lado sentava-se um homem dos seus 40 anos moreno e bem parecido.
No banco, em frente da brasa, sentava-se um jovem de lindos olhos azuis e longas pestanas.
Com o correr da viagem e o baloiçar do comboio a loiraça foi deitando uns olhares lânguidos ao jovem, cruzando e descruzando as pernas, deixando ver as calcinhas e por aí fora, na tentativa de despertar o interesse do Adónis.
Apercebendo-se do jogo o outro passageiro mudou de lugar e foi sentar-se em frente da jovem loira também. Ao fim de algum tempo, já excitado e vendo que o rapaz ao seu lado não se decidia, levantou-se e saiu do compartimento para arrefecer os ânimos.
O rapaz dos olhos azuis e longas pestanas seguiu-o e pôs-se ao seu lado apreciando a paisagem que deslizava perante os seus olhos. O seu parceiro de viagem não se conteve e olhando-o nos olhos disse:
- Oh homem, você é de ferro? Com aquele espectáculo ali dentro eu estou capaz de foder nem que seja uma mosca!
O outro, muito sério e abanando as mãozinhas, respondeu-lhe:
- Zzzzzz... Zzzzzz.... Zzzzzz

sábado, 18 de dezembro de 2010

Ai que sono!

Os pais levam o filho de oito anos e a irmãzinha de sete à missa, na igreja. Eles sentam-se na primeira fila para que o menino possa apreciar bem a missa. Mas os meninos de oito anos não costumam gostar de igreja, principalmente este.
Ele adormece no meio do sermão. O padre nota isso e decide pregar-lhe um susto, fazendo-lhe uma pergunta aos berros:
- E tu, meu menino, diz-me quem criou o céu e a terra?
A irmã do rapaz espeta-lhe um alfinete nas nádegas, ele acorda sobressaltado e grita:
- Meu Deus!
- Muito bem, meu filho - diz o padre.
Mas daí a pouco o menino volta a adormecer, e o padre vê que precisa acordá-lo outra vez. Então ele pergunta alto:
- E diz-me agora, quem foi o filho de Maria e José?
A menina volta a enfiar o alfinete no traseiro do menino, que acorda e diz alto:
- Jesus!
Mas logo depois o menino adormece novamente e o padre pergunta:
- O que disse Eva para Adão quando eles acordaram após a primeira noite juntos?
Antes que a irmãzinha pudesse dar-lhe outra alfinetada, o menino berra:
- SE ME ESPETARES ISSO NO CU OUTRA VEZ, PARTO-TE A TROMBA TODA!!!

Infidelidades!

Está um gajo descansadinho da vida sentado no seu sofá, a ver o futebol, quando de repente vinda não se sabe muito bem de onde, leva com uma frigideira na cabeça.
O desgraçado, de joelhos no chão, vendo estrelas por todo o lado, volta-se para a mulher:
- Atão!?!?!? Tás parva ou quê??!? O qu'é que se passou???
- Isto é pelo bilhete que acabei de encontrar no bolso das tuas calças, e que tem o nome Marilu e o número 7500589, respondeu ela.
- Vê-se mesmo qu'és estúpida!!!! Isso foi da última vez que fui às corridas de cavalos. Marilu era o nome do cavalo, 7500 foi o valor que eu apostei, 58 era o nº do cavalo e 9 a corrida em que o cavalo entrou...Vai pr'á cozinha e não me chateies mais! Tarada.... Dassssse!!!
E ela:
- Errei... Mas...Bom...Quer dizer.... Ò meu amor desculpa, desculpa, não volta a acontecer...
Passados 2 dias está o homem outra vez descansadinho da vida, a ver os resumos da bola, quando....... PUUUMMMMMMMM, leva com a panela de pressão nos cornos... Completamente tonto, deitado no chão e ainda não refeito da pancada, grita:
- Porra, pá!!! Atão?!?! Outra vez!!!! O que é que foi agora?
A mulher responde:
- O teu cavalo está ao telefone...!!!

O Frasquinho!

Um velhinho tinha que fazer espermograma. Foi à farmácia e comprou um frasquinho desses para recolha de material.
Chegado em casa, foi para a casa de banho e tentou com a mão direita, tentou com a esquerda e até com as duas e... nada!
E chamou sua mulher. Ela tentou com a mão direita, com a esquerda, com as duas e até com a boca mas também não conseguiu.
Não vendo outra opção, chamaram a vizinha.
Essa, querendo ajudar, mesmo bastante constrangida, tentou com a direita, com a esquerda, com as duas mãos e, muito sem graça, pediu licença e tentou também com a boca mas não obteve sucesso.
Então, a vizinha, não se dando por vencida, chamou a filha de 18 anos, uma menina encantadora.
A jovem, ruborizada, repetiu as tentativas: mão direita, esquerda, as duas, usou a boca mas igualmente... nada conseguiu.
O velhinho, muito triste, retornou à farmácia e devolveu o frasco ao vendedor perguntando:
- O senhor pode trocar-me este frasco, porque lá em casa, ninguém conseguiu abrir este?

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Loira brasileira!


Uma loirinha ia sair pela primeira vez com um homem. A mãe dela apreensiva, deu algumas instruções:
- Olha minha filha, ele te convidou para sair, você vai; ele vai te levar para jantar, você vai; ele vai te convidar para conhecer o apartamento dele, você vai; ele vai te oferecer uma bebida, você aceita; ele vai te convidar para ir para o quarto, você vai; ele vai te convidar para tirar a roupa, você tira; ele vai te pedir para deitar na cama, você deita... Mas, na hora em que ele for subir em cima de você para desonrar a nossa família, você não deixa, viu minha filha? Lembre-se sempre que acima de tudo está a honra de nossa família.
Tudo avisado, a garota saiu. Quando chegou, foi contar para a mãe o ocorrido:
- Tudo o que a Senhora falou era verdade, mãe! Ele fez tudinho! Só que na hora que ele foi subir em cima de mim para desonrar minha família...
- Você saiu da cama, né, filha? Perguntou a mãe, apreensiva.
- Melhor! Eu subi em cima dele e desonrei a família dele.

domingo, 5 de dezembro de 2010

I.B.M. (Instrução Básica Masculina)!

Aqui está o esperado há muito tempo... As 5 verdadeiras respostas às 5 perguntas mais importantes do mundo:

O que são as pequenas saliências a volta do mamilo das mulheres?
É Braille e quer dizer 'lambe-me'.

O que é um beijo Australiano?
É o mesmo que um french kiss só que lá em baixo.

O que se faz com 365 preservativos usados?
Derretem-se, faz-se um pneu e chama-se um Goodyear.

Porque é que o nome dos furacões é sempre nome de mulheres?
Porque quando chegam são loucos e molhados e quando partem levam carro e casa junto. Se tivessem nomes masculinos, chamavam-se furaconas.

Porque as mulheres esfregam os olhos ao acordar?
Porque não têm tomates para coçar.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Uma mijadinha!

Vinha o Sócrates e uma comitiva de seguranças caminhando por uma rua abaixo quando o 1º Ministro se viu apertado para urinar:
- E agora, companheiros, o que faço?
- Faça aí mesmo, senhor 1º Ministro, disse um dos seus assessores. Nós fazemos uma barreirinha!
Nisto, um polícia que passava viu o acto na via pública:
- Ah! Apanhei-te! Isso é atentado ao pudor! Oh! Desculpe-me senhor 1ºMinistro, não vi que era o senhor... -
- Não, companheiro, a lei é para todos. O que eu estava a fazer é errado e você vai multar-me e até prender se for o caso.
- Senhor 1º Ministro, não o vou prender...!
- Vai sim, se estiver na lei.
- Não, não vou... -
- Vai!
- Senhor 1º Ministro... o senhor já fez tanta cagada, acha que eu vou prendê-lo por uma mijadinha de nada... ?

Só merda!

Morre Sócrates e o funeral é no Palácio de S. Bento.
Ao lado do caixão está uma guarda de honra.
Nisto aparece uma velhinha com uma sacola de comida e começa a pôr dentro do caixão cenouras, tomates, alfaces, etc., enquanto os soldados olham para ela com surpresa.
Como a velha continua a colocar alimentos no caixão, um dos soldados educadamente, interrompe-a:
- Minha senhora, por favor, não pode fazer isso!
A velha, enquanto continua a colocar a comida responde:
- O que é que você quer, meu filho? Que os coitados dos vermes comam só merda ?

Sabedoria Chinesa!

Uma mulher pergunta a um mestre chinês:
- Mestre, por que um homem que faz sexo com várias mulheres é chamado de campeão e uma mulher que faz sexo com vários homens é chamada de vagabunda?
E o mestre responde:
- Filha...Veja bem, uma chave que abre várias fechaduras é uma chave-mestra. Já uma fechadura que abre com qualquer chave, não serve para nada...!!!

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Urologista!

... é aquele gajo que olha para a tua pila com desprezo, pega nela com nojo e cobra-te como se a tivesse chupado (tudo isso depois de te ter enfiado o dedo no cu)!

O Médico lisboeta!

Um jovem e fogoso médico lisboeta abriu consultório numa pequena aldeia alentejana,onde só havia velhos. No primeiro dia começou por atender o Ti Augusto e aproveitou p'ra perguntar:
- Então Ti Augusto, aqui na terra não há meninas?
- Aqui nã há nada! Só se for às Sêxtas-Fêras com a Égua, respondeu o Ti Augusto.
Passado algum tempo, já o médico andava a ganir de desejo, quando o Ti Augusto voltou à consulta.
- Então homem, hoje é sexta-feira, como é que é isso da Égua?
- Em sendo 3 da tardi, o Sô doutori venha ter comigo à bêra do riacho.
Quando lá chegou, encontrou uma fila enorme de homens, mas ele como era médico, toda gente o deixou passar à frente. Quando viu a Égua, o médico esqueceu os preconceitos e, libertando o desejo reprimido, baixou as calças e montou-se no animal. Ao fim de alguns minutos de relação, o Ti Augusto chega-se ao pé do Médico e diz :
- Sô doutori, ê nã queria interrompêri, mas nã canse a bichinha, porque ela é que nos vai levari p'ro outro lado do riacho, onde estão as gaijas!

Definições para «Marido»!

Se vocês não estão ainda por dentro das novas tecnologias, talvez não saibam responder a estas perguntas. Mas não se inquietem que eu ajudo:

Sabem o que é um marido DVD?
- É aquele que se Deita, Vira e Dorme!
E um marido DVD + R?
- É aquele que se Deita, Vira, Dorme e Ressona!
E um marido CD?
- É aquele que só Come e Dorme!

Moral da história - Não há nada como os antigos VHS - Várias Horas de Sexo...!

Prendas de Natal!

Como o Natal está aí à porta, Deus chamou o Vilas Boas e disse-lhe:
- André, este ano não vais ter prendas!
 Ao que o treinador do FCP, muito admirado, retorquiu:
- Mas porquê meu Deus?
Deus respondeu-lhe calmamente, mas com ar muito sério e dedo em riste:
- Porque tu, André, este ano tens sido um menino mal-comportado, tens andado a gozar com o Jesus!

Papagaios!

Um papagaio engoliu um comprimido de Viagra distraidamente deixado ao seu alcance pelo dono. Este, preocupado com o efeito, mete o papagaio no congelador para acalmá-lo.
Uma hora mais tarde o dono abre a porta do congelador e vê o papagaio todo suado.
- Como pode você estar suando no congelador?
O papagaio responde.
- Você pensa que é fácil abrir as pernas de uma galinha congelada?

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Receita!

Como se faz um deputado... 

- 1 dose de falta de carácter 
- 1 dose de ganância 
- 1 dose de mentira 
- Euros qb 
- 1 pitada de merda

Nota: Não exagerar na merda, senão sai um ministro!...

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Jesus Cristo em Portugal!

Jesus Cristo, cansado do tédio do Paraíso, resolveu voltar à terra para fazer o bem. Procurou o melhor lugar para descer e optou pelo Hospital de S. Francisco Xavier, onde viu um médico a trabalhar há muitas horas e a morrer de cansaço.
Para não atrair as atenções, decidiu ir vestido de médico. Jesus Cristo entrou de bata, passando pela fila de pacientes no corredor, até atingir o gabinete do médico. Os pacientes viram e comentaram:
- Olha, vai mudar o turno...
Jesus Cristo entrou na sala e disse ao médico que podia sair, dado que ele mesmo iria assegurar o serviço. E, decidido, gritou:
- O PRÓXIMO!
Entrou no gabinete um homem paraplégico que se deslocava numa cadeira de rodas. Jesus Cristo levantou-se, olhou bem para o homem, e com a palma da mão direita sobre a sua cabeça disse:
- LEVANTA-TE E ANDA!
O homem levantou-se, andou e saiu do gabinete empurrando a cadeira de rodas. Quando chegou ao corredor, o próximo da fila perguntou:
- Que tal é o médico novo?
Ele respondeu:
- Igualzinho aos outros... nem exames, nem análises, nem medicamentos... Nada! Só querem é despachar...

De loucos!

Num manicómio, um louco cai à piscina e começa a afogar-se. Imediatamente, outro louco atira-se para a piscina e salva-o da morte.
No dia seguinte, o director do manicómio vai ao quarto do 'louco salva-vidas' e diz-lhe:
- Aceite os meus parabéns. Vim pessoalmente para lhe dar duas notícias. A primeira é óptima. O Senhor vai receber alta. Depois do seu gesto heróico de salvar um interno, a nossa equipe concluiu que está curado. Já a segunda notícia, infelizmente, não é boa. Aquele interno que salvou ontem foi encontrado morto hoje de manhã... Suicidou-se, enforcado com um cinto....
Diz então o louco herói:
- Não, senhor director, ele não se enforcou. Fui eu que o pendurei para secar...

sábado, 13 de novembro de 2010

Na Farmácia!

Uma mulher entra numa farmácia e diz...
-Por favor, quero comprar arsénico.
O farmacêutico pergunta: 
- Qual a finalidade?
- Matar o meu marido.
- Mas, não posso vender isso para esse fim!
A mulher abre a mala e tira uma fotografia do marido na cama com a mulher do farmacêutico...
- Ah, desculpe, não sabia que a senhora tinha receita!!!

Como se chama aquela doença?

Um velhote de 90 anos casa com uma rapariga de 20. Na noite de núpcias o homem vê a jovem muito nervosa perguntou-lhe o motivo e ela respondeu:
- É que sou virgem e não sei fazer amor.
Preocupado, o velhote diz:
- Agora é que estamos f......! Tu não sabes e eu não me lembro!

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Fooooosca-se...!

Um sujeito encontra um amigo que não via há muito tempo e, querendo ser simpático, inicia a conversa: 
- Então, como estás Paulinho?
- Péssimo... - responde o outro.
- O quê péssimo? Com aquele Ferrari que tu tens?
- Ficou destruído num acidente... E o pior é que o seguro tinha acabado de vencer...
- Bem, vão-se os anéis, mas ficam os dedos. E o teu filho, esse puto tão inteligente?
- Conduzia o Ferrari... Morreu...
O sujeito tenta fugir daquele assunto tão trágico:
- E tua filha linda que mais parecia um modelo?
- Morreu... Estava junto com o irmão... Só a minha mulher é que não estava no carro...
- Graças a Deus! Como está ela?
- Fugiu com o meu sócio...
- Bem... Pelo menos a empresa ficou só para ti...
- Ela fugiu com ele porque me roubaram tudo. Deixaram a firma falida! Totalmente falida... Estou a dever milhões!
- Porra! É melhor mudarmos de assunto. E o teu clube? 
- Sou do Benfica......
- Xiça., oh Paulinho! Não tens nada positivo?????
- Tenho:... H I V...

Garoto sabidolas!

O famoso comentador da TV, Marcelo Rebelo de Sousa, seguia a bordo de um avião, de Lisboa para o Porto. O lugar a seu lado estava ocupado por um garoto de uns 10 anos, natural de Amarante, de óculos, com ar sério e compenetrado.
Assim que o avião descolou, o garoto abriu um livro, mas Marcelo Rebelo de Sousa puxou conversa.
- Ouvi dizer que o voo parece mais curto se conversarmos com o passageiro do lado. Gostarias de conversar comigo?
O garoto fechou calmamente o livro e respondeu:
- Talvez seja interessante. Qual o tema que gostaria de discutir?
- Ah, que tal política? Achas que devemos reeleger Sócrates ou dar uma oportunidade ao Passos Coelho?
O garoto suspirou e replicou:
- Poderá ser um bom tema, mas, antes, gostaria de lhe colocar uma questão.
- Então manda! - encorajou o professor Marcelo.
- Os cavalos, as vacas e os cabritos comem a mesma coisa, certo? Pasto, ervas, rações. Concorda?
- Sim, disse o professor.
- No entanto, os excrementos dos cabritos são umas bolinhas pequeninas, as vacas largam enormes bostas e os cavalos umas bolas bem grandes. Qual é a razão para isto?
Marcelo Rebelo de Sousa pensou por alguns instantes, mas acabou por confessar que não sabia a resposta. E o garoto concluiu:
- Então como é que o senhor se sente qualificado para discutir quem deve governar Portugal, se não entende de "merda" nenhuma? E que Sócrates e Passos Coelho, ainda que comam rações aparentemente diferentes, produzem "merdas" iguais?

domingo, 31 de outubro de 2010

De partir o coco...!

Professor: O que devo fazer para repartir 11 batatas por 7 pessoas?
Aluno: Puré de batata, senhor professor
--------------------------------------
O professor ao ensinar os verbos:
- Se és tu a cantar, dizes: "eu canto". Ora bem, se é o teu irmão que canta, como é que dizes?
- Cala a boca, Alberto
--------------------------------------
- "Stora", alguém pode ser castigado por uma coisa que não fez?
- Não.
- Fixe. É que eu não fiz os trabalhos de casa.
--------------------------------------
- Manuel , diga o presente do indicativo do verbo caminhar.
- Eu caminho... tu caminhas... ele caminha...
- Mais depressa!
- Nós corremos, vós correis, eles correm!
---------------------------------------
Professor: Chovia que tempo é?
Aluno: É tempo muito mau, senhor professor.
---------------------------------------
Professor: De onde vem a electricidade?
Aluno: Do Jardim Zoológico!
Professor: Do Jardim Zoológico?
Aluno: Pois! O meu pai, quando falta a luz em casa, diz sempre: "Aqueles camelos...".
---------------------------------------
Professor: Quantos corações temos nós?
Aluno: Dois, senhor professor.
Professor: Dois!?
Aluno: Sim, o meu e o seu!
--------------------------------------
Dois alunos chegam tarde à escola e justificam-se:
- 1º Aluno: Acordei tarde, senhor professor! Sonhei que fui à Polinésia e demorou muito a viagem.
- 2º Aluno: E eu fui esperá-lo ao aeroporto!
--------------------------------------
Professor: Pode dizer-me o nome de cinco coisas que contenham leite?
Aluno: Sim, senhor professor: Um queijo e quatro vacas.
-----------------------------------------
Um aluno de Direito a fazer um exame oral:
O que é uma fraude?
Responde o aluno:
É o que o Sr. Professor está a fazer.
O professor muito indignado:
Ora essa, explique-se...
Diz o aluno:
Segundo o Código Penal comete fraude todo aquele que se aproveita da ignorância do outro para o prejudicar!
--------------------------------------
Professora: Maria, aponta no mapa onde fica a América do Norte.
Maria: Aqui está.
Professora: Correcto. Agora turma, quem descobriu a América?
Turma: A Maria.
-------------------------------------
Professora: João, menciona uma coisa importante que exista hoje e que não havia há 10 anos atrás.
João: Eu!
------------------------------------
Professora: Agora, Simão, diz-me sinceramente, rezas antes de cada refeição?
Simão: Não professora, não preciso. A minha mãe é uma boa cozinheira.
-----------------------------------
Professora: Artur, a tua composição "O Meu Cão" é exactamente igual à do teu irmão. Copiaste-a?
Simão: Não. O cão é que é o mesmo.
-----------------------------------
Professora: Bruno, que nome se dá a uma pessoa que continua a falar, mesmo quando os outros não estão interessados?
Bruno: Professora
----------------------------------

Calor alentejano!

Um rapaz entra num café e diz em verso.

“Um copinho de aguardenti
Dois copinhos de aguardenti,
As meninas desta terra
Põem a gente muito quenti!”

O pai de uma das meninas, ao ouvir aquilo, disse então também em verso:

“Um copinho de licori
Dois copinhos de licori,
Levas c’um banco nos cornos
Passa-te já o calori!”

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

A Marcelina!

Marcelina era uma daquelas mulheres feias. Feia com força...!!! Tão desengonçada que nunca tinha conseguido arranjar um namorado. Foi pedir auxílio a uma vidente.
- Minha filha...!!! - disse a vidente. Nesta vida você não vai ser muito feliz no amor...!!! Mas na próxima encarnação, você será uma mulher muito cobiçada e todos os homens se arrastarão aos seus pés...!!!
Marcelina saiu de lá muito feliz e, ao passar por um viaduto, pensou:
'Quanto mais cedo eu morrer, mais cedo começará a minha outra vida!'
E decidiu atirar-se lá de cima, do viaduto. Mas, por uma incrível coincidência, Marcelina não morreu...??? Marcelina caiu de costas em cima de um camião carregado de bananas, perdendo, então, os sentidos...!!!
Assim que se recuperou, ainda atordoada e sem ver nem saber onde estava, começou a apalpar à sua volta e, sentindo as bananas, murmurou, com um sorriso nos lábios...!!!
- Senhores, por favor...! Um de cada vez...!!!

Uma questão de "Cornos"!

No Júlio de Matos!

Toca o telefone. Trriiimmm, trriiimmm, trriiimmm...
Responde o atendedor de chamadas:
- Obrigado por ter ligado para o Júlio de Matos, a companhia mais adequada aos seus momentos de maior loucura.
* Se é obsessivo-compulsivo, marque repetidamente o 1;
* Se é co-dependente, peça a alguém que marque o 2 por si;
* Se tem múltipla personalidade, marque o 3, 4, 5 e 6;
* Se é paranóico, nós sabemos quem é você, o que você faz e o que quer. Aguarde em linha enquanto localizamos a sua chamada;
* Se sofre de alucinações, marque o 7 nesse telefone colorido gigante que você, e só você, vê à sua direita;
* Se é esquizofrénico, oiça com atenção, e uma voz interior indicará o número a marcar;
* Se é depressivo, não interessa que número marque. Nada o vai tirar dessa sua lamentável situação;
* Porém, se VOCÊ votou Sócrates, não há solução, desligue e espere até 2012. Aqui atendemos LOUCOS e não INGÉNUOS! Obrigado!

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Também tu?

Durante a visita a um hospital psiquiátrico para distribuição do "Magalhães", José Sócrates perguntou ao director:
- Qual é o critério que usam para decidirem que alguém precisa de ser internado aqui?
- É simples - respondeu o director, e prosseguiu:
- Enchemos uma banheira de água e oferecemos ao doente uma colher, um copo e um balde e depois pedimos-lhe que a esvazie. De acordo com a forma como ele decida realizar a missão, nós decidimos se o hospitalizamos ou não.
- Entendi - disse o Engenheiro - uma pessoa normal usaria o balde, que é maior que o copo e a colher.
- Não - respondeu o director - uma pessoa normal tiraria a Tampa do ralo. O que é que o senhor prefere? Quarto particular ou enfermaria?

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Curta e bué da fixe!

Hoje, a minha vizinha "gostosona" bateu-me á porta. Abro e ela diz-me:
- Escuta, cheguei agora, estou com uma vontade louca de me divertir, de me embebedar, de ter sexo a noite toda. Você está ocupado esta noite?
- Não.
- Então pode ficar com o meu cachorro ?

O 69 e o preço da gasolina!

Um casal de ciganos estava um por cima do outro, empolgados num belo “69″, quando ela diz:
- Aiii Lelo… atão subiu o preço da gasolinaaa?
E ele responde:
- Aiii Lela… atão tamos nós aqui a pinocari e vens tu falar do preço da gasolinaaa? Quem te contou tal coisa mulheri!?
Ela responde:
– Aiii homi… ninguém me contou… tou aqui a leri num pedaço de jornal que ficou agarrado ao te cú!!!

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Queca Superbock!

Um tipo levou a namorada para uma praia deserta. Desaperta-lhe o top do biquini e ela começa a refilar porque ali não dava jeito, que havia muita areia, que ainda se arranhavam e ia entrar areia por todo o lado, etc... O rapaz disse então: 
- Calma! Não há nada que não se resolva!!! 
E foi ao carro buscar uma grande toalha da Super Bock,que estendeu. A namorada deitou-se em cima da toalha. Ao puxar-lhe a cueca do biquini, uma rajada de vento levantou a ponta da toalha e ela reage novamente, dizendo que se iam encher de areia, que a toalha voava, que se arranhavam, etc... E ele:
- Calma! Tudo se resolve. 
Foi ao carro e trouxe 4 latas de Super Bock, colocando uma em cada canto da toalha, para esta não esvoaçar. Como ela estava sempre a implicar com tudo, teve a ideia de trazer também uma venda do carro e para lhe pôr à volta dos olhos. Continuaram... 
Já a rapariga estava nua, quando perguntou: 
- Trouxeste preservativo? 
E o namorado: 
- Aqui não tenho, vou buscar ao carro.
Enquanto foi ao carro, passou um gajo que andava a fazer 'jogging'. Ao deparar com a tipa nua e vendada, deitada na toalha, primeiro aproxima-se, começa a mexer e, como ela não se nega, não hesita e 'por aqui me sirvo': salta-lhe para cima!!! 
Após ter comido a menina, afasta-se e diz: 
- F..da-se! Com uma campanha destas, agora é que eles rebentam mesmo com os gajos da Sagres...

O Joãozinho e a mosca!

A professora estava tranquilamente a dar aulas quando reparou que o menino Joãozinho esticava o polegar e uma mosca poisava nele.
Passado dois ou três minutos o Joãozinho tornou a fazer a mesma coisa.
«Danado do miúdo como ele consegue fazer aquilo», pensou intrigada a professora.
Uma e outra vez a operação se repetiu até que a professora, disfarçadamente, tentou imitar o garoto esticando o indicador da mão direita.
Logo o Joãozinho gritou a plenos pulmões:
- «Professora, se não meter primeiro o dedo no cú não funciona».

Uma de marujo!

Uma loira boazona ia atirar-se da ponte 25 de Abril, quando aparece um marinheiro:
- Eh, pá, miúda, não faças isso!
- Sim! Vou atirar-me! A minha vida é uma desgraça!
- Não faças isso! Olha, o meu navio está de partida para o Brasil. Porque é que não vens comigo e pensas melhor durante a travessia? Chegando lá, se ainda te quiseres matar, pelo menos ficaste a conhecer o Brasil.
A loira achou a proposta razoável e seguiu com ele para o porão do barco onde viajaria clandestinamente. Durante duas semanas o marinheiro visitava a loira à noite, levava-lhe comida e água e dava-lhe uma queca. Todos os dias, comida, água e pimba. Um dia, o comandante fez uma inspecção ao porão do navio e descobriu a loira. Ela não teve outra alternativa senão contar-lhe a verdade:
- Sabe, Sr. Comandante, eu estou aqui a viajar para o Brasil, porque um marinheiro salvou-me da morte. Todas as noites ele traz comida e água e, como agradecimento, eu deixo-lhe dar-me uma queca. Fizemos este acordo até chegarmos ao Brasil. Ainda falta muito para lá chegar?
- Não sei, menina. Mas enquanto eu for Comandante, este barco só faz a travessia Cacilhas - Cais do Sodré e volta.

Advogado vs GNR!

Um advogado ia distraído a conduzir quando, num sinal STOP, passa sem parar, mesmo em frente a uma brigada da GNR. É imediatamente mandado parar e numa atitude perfeita de Chico-esperto (advogado) pensa logo numa forma de se safar.
Agente - Boa tarde. Documentos, se faz favor.
- Mas porquê, Sr. Agente?
- Não parou no sinal de STOP ali atrás.
- Eu abrandei, e como não vinha ninguém...
- Exacto. Documentos, se faz favor.
- Mas qual é a diferença entre abrandar e ter de parar?
- A diferença é que a lei diz que num sinal de STOP deve parar completamente a viatura. Documentos, se faz favor.
- Ouça proponho-lhe o seguinte: se conseguir explicar-me a diferença legal entre abrandar e parar eu dou-lhe os documentos e pode multar-me. Senão, deixa-me ir sem multa.
- Muito bem, aceito. Pode fazer o favor de sair da viatura?
O Advogado acede e é então que o Agente retira o seu cacetete e desata a desanca-lo violentamente, como mandam as regras. E o Agente vai dizendo:
- Quer que eu PARE ou só que ABRANDE?

Chapeuzinho de judeu!

Um árabe vai à loja de um judeu para comprar sutiãs pretos.
O judeu, pressentindo bons negócios, diz que são raros e tem poucos e vende por 40 euros cada um. O árabe compra 6, e volta alguns dias depois querendo mais duas dúzias. 
O judeu diz que as peças vão ficando cada vez mais raras e vende por 50 euros a unidade.
Um mês mais tarde, o árabe compra o que resta por 75 euros cada. O judeu, encucado, lhe pergunta o que faz com tantos sutiãs pretos.
Diz o árabe:
- Corto o sutiã em dois, faço dois chapeuzinhos e vendo aos judeus por 100 euros cada.

No outro lado não!

A mãe, mesmo antes do casamento da sua querida filhinha virgem, coitadinha, deu-lhe o seguinte conselho:
- Querida filhinha, tu agora vais fazer certas coisas que nunca fizeste.
Vais fazer amor. Vais ser uma mulher! Mas, quando estiveres no acto intimo com o teu marido, se alguma vez ele te perguntar se queres experimentar no outro lado, dizes que NÃO! Nunca experimentes no outro lado, pois é pecado!
- Sim mamã - respondeu a filhinha, atenta e decidida a seguir o ensino da mãezinha.
A filhinha casou-se... os aninhos passaram... 5...10... 15... até que no vigésimo aniversário do casamento da filhinha, o marido perguntou-lhe:
- Querida, tenho um desejo... apetecia-me algo diferente... não queres experimentar no outro lado?
E a filhinha, ainda com a mãezinha (que Deus tenha) e todos os seus juízos no coração, respondeu, com firmeza:
- NÃO! NÃO! NÃO! E NÃO! Nem penses!
E o gajo,coitado:
- Mas querida... assim nunca vamos ter filhos!!

A profissão do pai!

A professora pergunta, na sala de aula: 
- Pedrinho qual a profissão do teu pai? 
- Advogado, senhora professora. 
- E a do teu, Marianinha? 
- Engenheiro. 
- E a do teu, Aninhas? 
- Ele é médico. 
- E o teu pai, Joãozinho, o que faz? 
- Ele... Ele... Ele é dançarino numa boite gay! 
- Como assim? Perguntou a professora, surpreendida. 
- Senhora professora, ele dança numa boite vestido de mulher, com uma tanguinha minúscula de lantejoulas, os homens passam-lhe a mão e põem notas no elástico da tanguinha e depois saem para fazer um programa com ele. 
A professora rapidamente dispensou toda a classe, menos o Joãozinho. Dirigiu-se ao garoto e perguntou novamente:· 
- Menino, o teu pai faz isto realmente? 
- Não, senhora professora. Agora que a sala está vazia, já posso falar! Ele é acessor do Sócrates, mas eu tenho uma vergonha enorme de falar nisso à frente dos meus colegas!

Uma à espanhola!

La monjita friolera

Cierta vez, un cura y una monja regresaban de una aldea hacia el convento. Al caer la noche, vieron una cabaña en medio del camino y decidieron entrar para pernoctar y proseguir el viaje al siguiente día. Al entrar a la cabaña, vieron que había una cama, apenas de pareja, y unas mantas en un armario. El padre y la monja entraron y después de algunos segundos de silencio, el padre dice:
- Hermana, usted puede dormir en la cama y yo duermo en el suelo. 
Y así hicieron. Mientras tanto, en medio de la noche la hermana despertó al padre: 
- Padre, está despierto?
El padre medio dormido:
- Sí, sí ... Ahhhh, hermana, diga, qué quiere?
- Ahhh .. es que tengo frío... puede traer-me una manta?
- Sí hermana, como no.
El padre se levantó, fue a buscar una manta al armario y tapó con ella a la hermana con mucha ternura. Una hora después, la hermana despierta al padre nuevamente: 
- Padre, todavía sigue despierto?
- Qué pasa hermana? Y qué le sucede ahora?
- Es que aun tengo frío. Puede darme otra manta?
- Claro que sí hermana ..
Una vez más el padre se levantó, lleno de amor y buena voluntad para atender el pedido de la hermana. Otra hora pasó, y una vez más, la hermana llamó al padre:
- Padre, sigue despierto?
- Sí hermana. Y qué necesita ahora?
- Es que no puedo dormir, sigo con mucho frío!!!!
Finalmente, entendiendo las intenciones de la hermana, el cura entonces le dice: 
- Hermana, estamos aquí los dos solos, cierto?
- Cierto, contesta la hermana, 
- Lo que ocurre aquí, y lo que deba de ocurrir, sólo nosotros dos lo sabremos y nadie mas, cierto? 
- Cierto. 
- Entonces le hago una sugerencia. Qué tal si fingimos ser marido y mujer? 
La hermana entonces se llenó de alegría y dijo:
- SÍ, sí..., eso, eso... 
Entonces el padre cambia el tono de su voz y grita: 
- Entonces, deja de joder de una vez y te levantas a buscar la manta de los cojones!

Pregos «Garcia»!

Um alentejano abriu uma filial de sua loja de pregos em Roma. Como a propaganda é a alma do negócio, fez um "outdoor" com a figura de Cristo pregado à cruz e em baixo estava escrito:
Pregos Garcia - 2.000 anos de Garantia...
Foi aquele rebuliço. O Bispo de Roma foi pessoalmente conversar com o alentejano e explicar-lhe que não podia fazer aquilo, que era pecado mortal... Então o alentejano resolveu fazer um novo outdoor. Colocou Cristo com uma das mãos pregadas na cruz e a outra solta. Em baixo estava escrito:
Com Pregos Garcia, nada disto acontecia...
Meu Deus do Céu! Até o Santo Padre saiu do Vaticano e foi conversar com o alentejano: 
- Que heresia meu filho! Não se pode usar Jesus Cristo como garoto propaganda... Invente outra coisa e retire isto já! 
Então vou fazer um novo outdoor, sem o Cristo, pensou o alentejano. E colocou a foto da cruz vazia. Em baixo estava escrito: 
Se o Prego fosse Garcia, o fulano não fugia...

E brasileiro fala português?

Uma brasileira dirigia por Portugal, quando viu um carro com a porta de trás presa só no segundo trinco. Solidária, conseguiu emparelhar e avisou:
- A porta está aberta!
A mulher que dirigia conferiu o problema e respondeu irritada:
- Não, senhora. Ela está mal fechada!

Outro brasileiro estava em Lisboa e numa sexta-feira perguntou a um comerciante se ele fechava no sábado. O vendedor respondeu que não.
No sábado, o brasileiro voltou e deu com a cara na porta.
Na segunda-feira, cobrou irritado do português:
- O senhor disse que não fechava no sábado!
O homem respondeu :
- Mas como vamos fechar se não abrimos?

Um jornalista hospedou-se há um mês num hotel em Évora. Na hora de abrir a água da pia se atrapalhou, pois na torneira azul estava escrito 'F' e na outra, preta, também 'F'. Confuso, quis saber da camareira o porquê dos dois 'efes'. A moça olhou-o com cara de espanto e respondeu, como quem fala com uma criança:
- Ora pois, fria e fervente.

Em Lisboa, a passeio, resolveu comprar uma gravata. Entrou numa loja do Chiado e, além da gravata, comprou ainda um par de meias, duas camisas sociais, uma polo esporte, um par de luvas e um cinto.. Chorou um descontinho, e pediu para fechar a conta. Viu então que o vendedor pegou um lápis e papel e se pôs a fazer contas, multiplicando, somando, tirando porcentagem de desconto, e aí intrigado, perguntou:
- O senhor não tem máquina de calcular?
- Infelizmente não trabalhamos com electrónicos, mas o senhor pode encontrar na loja justamente aqui ao lado...

Há ainda a história de um que morou por um ano em Estoril e contou que lá num certo dia, meio perdido na cidade perguntou ao português:
- Será que posso entrar nesta rua para ir ao aeroporto?
- Poder o senhor pode, mas de jeito algum vai chegar ao aeroporto...

Um turista brasileiro alugou um carro e decidiu ir à Espanha. Tomou uma estrada sem muita convicção e encontrando à beira da estrada um camponês, perguntou:
- Amigo esta estrada vai para a Espanha? 
E o camponês respondeu:
- Se ela for vai nos fazer muita falta por cá. 

Um grupo de brasileiros tendo terminado de almoçar quis tomar café.
O primeiro disse:
- Garçon, um café. 
O segundo disse:
- dois, levantando os dedos. 
O terceiro, apressadamente, disse:
- Três, e por fim o quarto disse:
- Quatro. 
O garçon trouxe 10 cafezinhos. Ao ser indagado por que trouxera tanto café para quatro pessoas, ele respondeu:
- Ora um pediu um, outro dois, outro três e o outro quatro faça a conta e vejam se não são 10!!

E a melhor....O casal de brasileiros entra num restaurante na rua do Diário que tem uma vista bonita para o rio e pergunta:
- Podemos sentar naquela mesa que tem a vista para o rio?
No que o garçon responde:
- Acho melhor os senhores sentarem nas cadeiras!!!

O brasileiro examina o cardápio em um restaurante de Lisboa e chama o garçon para tirar uma dúvida.
- Amigo, como é que vem este Filé à Moda da Casa?
Ao que o garçon responde sem pestanejar
- Sou eu mesmo que trago

domingo, 10 de outubro de 2010

À moda antiga!

Fui ontem comprar uma corvina dessas de "aviário", para fazer umas sopas com orégãos. Quando vinha embora, encontrei o Zé Jaquim , amigalhaço de há muitos anos e que vive fora de Beja, mas aqui perto.
Eis o diálogo, que transcrevo com bastante rigor:
-Então Zé Jaquim, onde tens andado?
-Ó amigo Miguel, olha, por aí....andei à tua procura para te dizer que casei... Casei à moda antiga, vê bem...
-À moda antiga? Então foste naquelas carroças que havia antigamente, levaste um banho de arroz...
-Qual quê, Miguel, casei à moda antiga, porra, casei com uma mulher!!!!!”

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Trabalho ou prazer?

Um Presidente de uma determinada empresa, casado há 25 anos, está na maior dúvida se fazer sexo com a mulher, depois de tanto tempo de casamento, é trabalho ou prazer. Na dúvida, ligou pro Diretor Geral e perguntou-lhe o que ele achava.
O Diretor ligou pro Vice-Diretor e fez a mesma pergunta. O Vice-Diretor ligou pro Gerente Geral e fez a mesma pergunta.
E assim seguiu-se a corrente de ligações até que a pergunta chegou ao Sector Jurídico e o Advogado Chefe perguntou como de praxe, pro Estagiário que estava todo afobado fazendo mil coisas ao mesmo tempo.
- Rapaz, você tem um minuto para responder se quando o Presidente da empresa faz sexo com a mulher dele é trabalho ou prazer??? 
- É prazer, Doutor!!! - Respondeu o Estagiário prontamente e com segurança.
- Ué? Como é que você pode responder isso com tanta segurança e certeza? 
- É que... Se fosse trabalho, já me tinham mandado fazer!!!

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Sexo com todos!

Uma mulher, executiva de uma grande empresa, fez a sua primeira viagem de negócios ao Rio de Janeiro. À noite, sentiu-se sozinha e com uma sensação de liberdade que nunca havia sentido antes...
Decidiu chamar uma dessas "empresas de acompanhantes", cujos folders de propaganda estão nas mesas dos quartos de todos os hotéis nas grandes cidades.
Localizou, sem dificuldade, um que oferecia serviço masculino, denominado "ferótico". Com o folheto nas mãos molhadas de suor pela expectativa, discou o número marcado.
- Alô! - atendeu uma voz masculina marcadamente sensual.
- Alô. Eu preciso de uma massagem... Não, espere! Na realidade o que eu quero é SEXO!!! Uma grande e duradoura sessão de sexo, mas tem de ser agora! Estou falando sério! Quero que dure a noite inteira! Estou disposta a fazer de tudo, participar de todas as fantasias que vocês inventarem. Traga tudo o que tiver de acessórios, algemas, chicotes, consolos, pomadas, vibradores e, quero ficar a noite inteira fazendo de tudo! Vamos começar passando geleia no corpo um do outro, depois quero que você me grude na parede... Estou disposta a fazer de tudo e topo todas as posições: frango assado, rã com câimbra, canguru perneta, folhinha-verde, vaca atolada, saquinho de chá, helicóptero... Ou vc tem alguma ideia mais tesuda? O que acha?!
- Bem, na verdade me parece fantástico. Mas aqui é da portaria do hotel... Para chamadas externas a senhora precisa discar o zero primeiro...

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Kamasutra!

Marido pergunta à mulher: 
- Vamos tentar uma posição diferente esta noite? 
A mulher responde: 
- Boa ideia. Tu ficas aqui em pé na pia a lavar a louça e eu sento-me no sofá!

Ai a minha próstata!

O cego vai no médico fazer exame de próstata. Lá chegado pergunta ao médico:
- Dr. este exame dói?
O médico responde:
- Só um pouquinho…
O cego pergunta:
- Dr. posso pedir uma coisa?
- Sim, responde o médico.
- Eu posso pegar no seu pénis enquanto o sr. faz o exame?
O médico fica intrigado e pergunta:
- Mas porque você quer segurar o meu pénis?
O cego responde:
- É só para ter certeza que é o dedo que vai enfiar-me no cú!

Oração da manhã!

Senhor,
dai-me sabedoria para suportar alguns colegas,
porque, se me dais força ...
... parto-lhes o focinho !!!' 

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

No médico!

Um velhote entrou na sala de espera de um consultório médico..
Quando ele se aproximou da mesa da recepção, a recepcionista disse:
- Bom dia senhor, qual o seu problema ?
- Meu problema é no pénis.
A recepcionista irritou-se:
- O senhor não devia dizer uma coisa dessas numa sala de espera tão cheia! Assim causa embaraço aos outros presentes! O senhor devia ter dito que estava com um problema na orelha, por exemplo, e depois falar a verdade ao doutor, lá dentro do consultório.
O homem retirou-se da sala, esperou alguns instantes e depois entrou de novo. A recepcionista sorriu e perguntou:
- Sim?
- Estou com um problema na minha orelha!
A recepcionista fez um aceno de aprovação e sorriu toda triunfante.
- E qual é o problema da sua orelha ?
- Arde muito, quando eu mijo.

domingo, 19 de setembro de 2010

Muita rata e pouca picha!

Não, não são palavrões, é apenas Geografia!!!

Ora vejam as localizações:

PICHA - Existe em: Pedrógão Grande.
RATA - Existe em: Arruda dos Vinhos, Beja, Castelo de Paiva, Espinho, Maia, Melgaço, Montemor-o-Novo, Murça, Santarém, Santiago do Cacém e Tondela.

Temos assim em Portugal 1 Picha para 11 Ratas!!!!

Aprendam que eu não duro sempre...

Luxo é luxo!

Uma amiga, fez sua primeira viagem a Dubai. Tudo era novidade! Hospedou-se num tremendo seis estrelas. Ao chegar à sua suite foi fazer um pipizinho. Estava apertada e já quase a pingar a calcinha Sentou naquele luxuoso banheiro e, ao terminar, notou que faltava papel higiénico! Muito chateada, de dentro do banheiro mesmo, telefonou para a recepcionista bilingue: 
- Minha filha... Que absurdo! Um hotel dessa categoria sem papel higiénico? Como vou limpar a minha...? 
- Desculpe senhora, não usamos mais esse tipo de material em nossos hotéis... 
- Por gentileza, veja o painel a seu lado. Aperte o primeiro botão à sua esquerda. 
A mulher, curiosa seguiu as instruções. Imediatamente um jatinho delicioso de água morna foi esguichado. 
- Senhora, agora aperte o segundo botão, ao lado do primeiro. 
Imediatamente, um ventinho quente rapidamente secou. 
- Que maravilha, falou a hóspede. 
- Espere senhora. Por favor, agora aperte o terceiro botão. 
Ela apertou, e sentiu uma borrifada de um delicioso perfume francês que foi lançado. Maravilhada com aquela tecnologia, não se conteve e exclamou: 
- C a a a a r a a a a a l h o !!!! 
E a recepcionista bilíngue imediatamente respondeu: 
- É no botão vermelho, senhora. Queira, por gentileza, especificar cor, comprimento e o diâmetro !

Trabalho e prazer!

À porta do Ministério da Educação, na Av. 5 de Outubro, foi encontrado um recém-nascido abandonado. O bebé foi limpo e alimentado pelos funcionários que, decidiram dar conhecimento do assunto à Ministra da Educação.
Depois de oito dias, foi emitido o seguinte despacho, dirigido ao Secretário de Estado:
- Forme-se um Grupo de Trabalho para investigar:
a) Se o "encontrado" é produto doméstico deste Ministério;
b) Se algum funcionário deste Ministério se encontra com responsabilidades neste assunto.
Após um mês de investigação, o Grupo de Trabalho, conclui:
- O "encontrado" nada tem a ver com este Ministério pelas razões seguintes:
a) Neste Ministério, não se faz nada por prazer nem por amor.
b) Neste Ministério jamais duas pessoas colaboram intimamente para fazerem alguma coisa de positivo.
c) Neste Ministério tudo o que se faz não tem pés nem cabeça.
d) No arquivo deste Ministério nada consta que tivesse estado terminado em apenas 9 meses.

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

O Problema e a Solução!

José Sócrates, numa das suas múltiplas visitas a escolas, numa delas considerada escola-modelo onde foi distribuir uns computadores aos professores, resolve pôr um problema às criancinhas. (Desta vez, parece que não houve casting prévio...) 
- Meninos, tenho um problema para vocês resolverem. Quem acertar na solução ganha um computador que eu ofereço!!! Então, é assim: 
Um avião saiu de Amesterdão com uma velocidade de 800 km/h; a pressão era de 1.004,5 milibares; a humidade relativa era de 66% e a temperatura 20,4 ºC.
A tripulação era composta por 5 pessoas, a capacidade era de 45 lugares para passageiros, a casa de banho estava ocupada e havia 5 hospedeiras, mas uma estava de folga.
A pergunta é... Quantos anos tenho eu?
Os alunos ficam assombrados. O silêncio é total. A professora fica estupefacta. Então, o Joãozinho, lá no fundo da sala e sem levantar a mão, diz de pronto:
- 50 anos, senhor inginheiro!
José Sócrates surpreendido fita-o e diz:
- Caramba! Acertaste em cheio. Vou dar-te o computador! Eu tenho mesmo 50 anos. Mas como encontraste esse número?
E Joãozinho diz:
- Bem, foi muito fácil. Foi uma dedução lógica, porque eu tenho um primo que é meio parvo, e tem 25 anos...

E esta, hein!?!?

Em 1912, o famoso ginecologista austríaco Dr. Hermann Otto Kloepneckler, publicou o seguinte artigo:
O melhor motor que existe no mundo é a vagina:
  • Começa a trabalhar movido com apenas um dedo
  • É auto-lubrificante
  • Admite um piston de qualquer tamanho
  • E faz mudança automática de óleo a cada quatro semanas.
Só é pena que o seu sistema de ignição seja tão temperamental.

Quem o mandou atrasar-se...!

O Padre no jantar de despedida, depois de 25 anos de trabalho ininterrupto à frente de uma paróquia discursa:
- A primeira impressão que tive da paróquia, foi com a primeira confissão que ouvi. A pessoa confessou ter roubado um aparelho de TV, dinheiro dos seus pais, a empresa onde trabalhava, além de ter aventuras amorosas com a esposa do chefe. Também se dedicava ao tráfico de drogas e havia transmitido uma doença venérea à própria esposa. Fiquei assustadíssimo. Com o passar do tempo, entretanto, percebi que a paróquia estava cheia de gente responsável, com valores, comprometida com sua fé, e desta maneira aqui vivi os 25 anos mais maravilhosos do meu sacerdócio.
Então, chega o prefeito, correndo, para entregar o presente da comunidade, prestando a homenagem ao padre. Ele pede desculpas pelo atraso e começa o discurso:
- Nunca vou esquecer do dia em que o padre chegou à nossa paróquia. Como poderia? Tive a honra de ser o primeiro a me confessar...

Silêncio total...

Moral da história - Se chegar atrasado só ouça, não fale!!

A Fila!

Saindo do supermercado, um homem se depara com uma inusitada procissão de funeral. Achou aquilo muito estranho e parou para olhar. Vinha um caixão preto e logo atrás um segundo caixão preto. Em seguida, um homem sozinho levando um doberman na coleira. Finalmente, atrás dele, uma longa fila indiana só de homens.
Não contendo a curiosidade, ele se aproxima delicadamente do homem com o cachorro e diz, baixinho:
- Meus sentimentos por sua perda.. Sei que o momento não é apropriado, mas nunca vi um enterro assim! O senhor poderia me dizer quem faleceu?
- Bem... No primeiro caixão está a minha esposa.
- Puxa! Sinto muití ssimo! O que aconteceu com ela?
- Meu cachorro... Ele a atacou...
- Nossa, que tragédia! E o segundo caixão?
- Esta é minha sogra... Ela tentou salvar a filha...
Fez-se um silêncio consternado. Os dois olham-se nos olhos.
- Me empresta o cachorro?
- Entra na fila !

Esperança!

No Intercidades Lisboa-Porto viajava uma bela mulher, com um bebé ao colo. Em frente dela vai sentado um sujeito. Subitamente o bebé começa a chorar. A mulher tira o peito para fora e dá de mamar à criança. Contudo, ela continua a chorar e a mulher diz-lhe:
- Meu filho, chupa, senão dou a maminha a este senhor!
Então o bebé adormece, mas quinze minutos depois volta a rebentar em choro e a cena repete-se:
- Meu filho, chupa, senão dou a maminha a este senhor!
Faltava já pouco para chegarem ao Porto e mais uma vez a pobre mãe repete o acto e a frase.
 - Meu filho, chupa ...
De repente o indivíduo levanta-se e grita para a mulher:
- Carago, minha senhora, veja lá se o puto se decide porque eu já devia ter saído em Coimbra!!!

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

A Loira e os pastéis de nata!

Uma loira vai a uma pastelaria e diz para o empregado:
- Olhe queria uma pastel de nata, quentinho.
O empregado diz-lhe:
- A menina teve sorte porque acabaram mesmo de sair.
Diz a loira: 
- Oh, que pena! E quando é que voltam?

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

A melhor de todas!

Quando Deus fez o mundo, para que os homens prosperassem, decidiu dar-lhes apenas duas virtudes. Assim, mandou ao seu anjo-secretário que anotasse quais seriam os dons:
- Aos Suíços, os fez estudiosos e respeitadores da lei.
- Aos Ingleses, organizados e pontuais.
- Aos Argentinos, chatos e arrogantes.
- Aos Japoneses, trabalhadores e disciplinados.
- Aos Italianos, alegres e românticos.
- Aos Franceses, cultos e finos.
- Aos Portugueses, inteligentes, honestos e socialistas.
O anjo anotou, mas logo em seguida, cheio de humildade e de medo, indagou:
- Senhor, a todos os povos do mundo foram dadas duas virtudes, porém, aos Portugueses foram dadas três! Isto não os fará soberbos em relação aos outros povos da terra?
- Muito bem observado, bom anjo! Exclamou o Senhor.
- Isto é verdade!
- Façamos então uma correcção! De agora em diante, os portugueses, povo do meu coração, manterão esses três dons, mas nenhum deles poderá utilizar mais de dois simultaneamente, para ficarem iguais aos outros povos! Assim:
O que for socialista e honesto, não pode ser inteligente.
O que for socialista e inteligente, não pode ser honesto.
E o que for inteligente e honesto, não pode ser socialista!
Palavra do Senhor!

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Diferenças!

Pergunta:
- Qual a diferenca entre o Panadol e o Viagra?
Resposta:
- O Panadol é paracetamol e o Viagra é parapilamole.

Pergunta:
- Qual a diferenca entre os homens e as mulheres?
Resposta: 
- Os homens têm sempre a mesma pila entre as pernas

domingo, 15 de agosto de 2010

Invisibilidade!

Após três horas a fazer amor com a namorada, o rapaz diz á moça:
- Durante algum tempo vais deixar de me ver!
Ela pergunta:
- Mas... vais de ferias... vais deixar-me... ?
- Não, responde ele, vira-te!

sexta-feira, 30 de julho de 2010

Loucuras!

Num manicómio, um louco cai à piscina e começa a afogar-se. Imediatamente, outro louco atira-se para a piscina e salva-o da morte.
No dia seguinte, o director do manicómio vai ao quarto do 'louco salva-vidas' e diz:
- Aceite os meus parabéns! Vim pessoalmente para lhe dar duas notícias. A primeira é óptima: O Senhor vai receber alta. Depois do seu gesto heróico de salvar um interno, a nossa equipe concluiu que está curado. Já a segunda notícia, infelizmente, não é boa: aquele interno que salvou foi encontrado morto hoje de manhã... suicidou-se, enforcado com um cinto....
Diz então o louco herói:
- Não, senhor director, ele não se enforcou. Eu pendurei-o para secar...

Virgem na «SexShop»!

Poucos dias antes de completar cinquenta anos de idade, aquela mulher feia de lascar, sem nunca ter conseguido se entregar para nenhum homem, resolve seguir o conselho de uma amiga e se livrar de sua virgindade com a ajuda de um vibrador.
Chega num Sex-Shop e pede com voz entre-cortada de emoção:
- Eu gostaria de um vibrador! 
- Pois não! - responde o vendedor, todo solícito. - Aquela parede à sua direita tem um mostruário com todos os nossos modelos.
A velhota fica estarrecida diante de tantos brinquedos. E acaba escolhendo o maior de todos.
- Eu quero aquele vermelho ali - diz ela, apontando para um canto da parede.
- Oh, não, minha senhora! Aquele ali é o nosso extintor de incêndio!

Quando a paixão acaba...!

O marido entra com muito cuidado na cama e sussurra suave e apaixonadamente no ouvido da sua mulher...........
- Estou sem cuecas...
E a mulher responde-lhe:
- Amanhã lavo-te umas.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

A riquíssima Língua Portuguesa!

O Presidente de Angola foi aos EUA e, na chegada ao aeroporto, passou revista às tropas americanas. Foi então que perguntou a um soldado americano:
- Que farias pela tua Pátria?
O soldado americano respondeu:
- Pela Pátria eu ou mato ou morro!!
O Presidente angolano ficou muito espantado com a convicção do soldado e perguntou-lhe porquê. Ao que o soldado responde:
- Porque para mim a Pátria é tudo!!
A situação inverte-se e chegou a vez da visita do Presidente dos EUA a Angola. Também ele passou revista às tropas angolanas quando chegou ao aeroporto e resolve fazer a seguinte pergunta a um soldado angolano:
- O que farias pela tua Pátria?
O soldado angolano prontamente respondeu:
- Pelas Pátria ou mato ou morro!
O presidente americano perguntou ao soldado angolano o porquê daquela afirmação e este respondeu:
- Porque se os inimigo vêm pelos mato, eu fujo pelos morro, se eles vêm
pelos morro, eu fujo pelos mato...!

sexta-feira, 16 de julho de 2010

O Porquê das cuecas masculinas!


 

 []
[]
[]
[]
[]
[]
 [].

Colectânea!

As calorias...
são pequenos animais que moram nos roupeiros e que durante a noite apertam a roupa das pessoas.
Os problemas do nosso país...
são essencialmente agrícolas: excesso de nabos; falta de tomates e muito grelo abandonado.
O trabalho...
fascina-me tanto que às vezes, fico horas parado a olhar para ele.
O casamento...
é um relacionamento a dois, no qual uma das pessoas está sempre certa e a outra é o marido.
A mulher...
está sempre ao lado do homem, para o que der e vier. Já o homem, está sempre ao lado da mulher que vier e der.
Se fores...
chata, as tuas amigas perdoam;
agressiva, as tuas amigas perdoam;
egoísta, as tuas amigas perdoam;
Agora, experimenta ser magra e linda! Tás arrumada...!
O amor...
é como a gripe, apanha-se na rua, resolve-se na cama!
A falta de sexo...
provoca amnésia e outras coisas más de que agora não me lembro...
Portugal...
é um país geométrico: é rectangular e tem problemas bicudos,discutidos em mesas redondas, por bestas quadradas!
A diferença...
entre Portugal e a República Checa é que esta tem o governo em Praga e Portugal tem a praga no governo.
Não procures...
o príncipe encantado. Procura, antes, o lobo mau: ouve-te melhor, vê-te melhor e ainda te come.
Toda a gente...
se queixa de assédio sexual no local de trabalho. Ou isto começa a ser verdade ou então despeço-me!!!
A mulher do amigo...
é como a bota da tropa: também marcha!
O cérebro...
é um órgão maravilhoso. Começa a trabalhar logo que acordamos e só pára quando chegamos ao serviço.
O teu computador...
é como uma carroça: tem sempre um burro à frente!!!
Os trabalhadores...
mais incapazes são sistematicamente promovidos para o lugar onde possam causar menos danos: a chefia.
Qual a diferença...
entre uma dissolução e uma solução? Uma dissolução seria meter um político num tanque de ácido para que se dissolva. Uma solução seria metê-los a todos.
Chocolate...
não engorda, quem engorda és tu.

Loira, mesmo loira!



 



 



 



 



 



 



 



 

domingo, 11 de julho de 2010

Sócrates aos pés da cruz!

Sócrates vai a uma igreja e se ajoelha na frente de Jesus crucificado, rezando:
- Jesus, estou totalmente arrependido e gostaria de redimir meus pecados.
- Esta bem. Que tens feito?
- Depois de estes meus anos de governo estou deixando o povo arruinado e na miséria...
- Dá graças ao Pai!
- Traí o povo que me deu os seus votos!
- Dá graças ao Pai!
- Economizei verbas da Saúde, da Educação, da Segurança, etc. etc., as quais foram encher os bolsos de alguns.
- Dá graças ao Pai!
- Comprei carros topo de gama para a Assembleia, para os magistrados e tantos outros.
- Dá graças ao Pai!
- Protegi as roubalheiras do Vara, do Godinho, do Rendeiro, do Jardim, do Oliveira Costa e tantos outros.
- Dá graças ao Pai!
- Permiti que alarves como o Mexia, Pedro Soares, Zeinal, Coelho, e mais uma mão cheia deles fossem agraciados com chorudos prémios com verbas tiradas do bolso do contribuinte.
- Dá graças ao Pai!
- Pus à cabeça dos Ministérios autênticos alarves que só fizeram burricadas na Educação, na Saúde, na Segurança, etc..
- Dá graças ao Pai!
- Mancomunei-me com Presidente do Supremo Tribunal de Justiça, com o Procurador Geral da República e outros tantos biltres da sua igualha, para que dessem cobertura às minhas manigâncias.
- Dá graças ao Pai!
- Meti-me naquela alhada dos exames feitos ao Domingo, nas casas lá na Parvónia, no Freeport, na Maddie, nas sucatas, no TGV, na nova ponte, e em outras tantas que não vale a pena enumerar...
- Dá graças ao Pai!
- Dei apoio ao Hugo Chavez, o maior bandido da América Latina.
- Dá graças ao Pai!
- Mas, Jesus, estou realmente arrependido e a única coisa que Vós tendes para me dizer é: “Dá graças ao Pai”?
- Sim, agradece ao Pai por eu estar aqui pregado na cruz, porque senão desceria dela para te encher de porrada, seu ignorante, analfabeto, deslumbrado, traidor, ladrão sem vergonha, mentiroso, golpista, corrupto, aproveitador....
Vai trabalhar, vagabundo!!!!!

A Rata!

Pinto da Costa, putanheiro dos sete costados como todos sabemos, um dia, numa das suas viagens a Paris, invariavelmente organizada pela Agência Cosmos, andava a passear pelas ruas até que vê uma prostituta
maravilhosa. Inicia uma conversa amigável e acaba fazendo a grande pergunta...
- Quanto lebas?
Ela responde...
- Começa em 500€ por uma masturbação.
Ele responde...500€? Por uma masturbaçoum? Num pode ser... Nenhuma punheta bale tanto dinheiro, carago!
A prostituta responde...
- Estás a ver aquele restaurante na esquina?
- Sinhe, toue.
- Estás a ver aquele outro restaurante um pouco abaixo?
- Sinhe, responde ele de novo.
- E aquele outro mais adiante um pouco?
- Sinhe, responde ele novamente.
- Bem, ela diz, com um sorriso maroto, eles são meus por que eu bato uma punheta que vale 500€.
O Pinto da Costa pensa... e...
- Que merda, carago!!! A gente só bibe uma bez. Bou experimentare!!!
- Eles entram num hotel ali perto.
- Daqui a pouco ele senta na cama e vê que acabou de ter a melhor masturbação do mundo e que valeu cada um dos 500€.
- Ele está tão impressionado que diz...
- Um bico debe ser praí 1.000€...
- Não, 2.000€, responde ela.
- Ele, em completo estado de choque. Num pode sere!!! Um bico num pode custar 2.000€, carago!!!
A prostituta responde : - Vem até a janela, bonitão. Estás a ver aquele Casino do outro lado da rua? Aquele Casino é meu. E ele é meu porque eu faço um bico que vale 2.000€.
O Pinto da Costa pensa na punheta e decide adiar a troca do carro para semana seguinte...
- Bamos nessa!!!
Dez minutos depois, Pinto da Costa está sentado na cama, mais maravilhado ainda. Ele mal consegue acreditar mas valeu cada cêntimo do seu dinheiro. Ele decide meter a mão na poupança por uma experiência inesquecível.
E aí pergunta...
- E quanto é a rata? 5.000€???
A prostituta responde...
Vem até a janela... ...Estás a ver toda a cidade de Paris? Com todas as suas luzes brilhantes, casinos, hotéis maravilhosos, casas de espectáculos e restaurantes?
- Carago, pá!! responde o Pinto da Costa. És dona de tudo?
- Não, mas seria se tivesse uma rata.......!!!

Banho merecido!

Durante uma festa de arromba, com a nata dos políticos e diplomatas presentes no País, o anfitrião, milionário alemão, já meio tocado, fez-se ouvir para anunciar:
- Eu queria dizer uma coisa...a minha piscina é mágica!!!
Todos, pensando que era delírio do dono da casa, começaram a rir. Nisto, o dono da casa começa a correr, dá um pulo para a piscina e grita:
- CERVEJA!!!
A água muda para cerveja, o tipo vai nadando, vai bebendo, e, ao sair do outro lado, a piscina volta ao normal.
O Embaixador italiano, estupefacto com o que estava a presenciar, corre também, dá um salto e grita:
- VINHO!!!
E a água transforma-se em vinho.
Ele nada, sai do outro lado e, novamente, a piscina volta ao normal.
O Adido francês vai, dá um pulo para dentro da piscina e grita:
- CHAMPAGNE!!!
E a água muda para champanhe.
Quando sai do outro lado a piscina volta ao normal.
José Sócrates, vibrando de emoção com o que está a acontecer no seu Portugal, corre também para a piscina. Quando já vai no ar, o Armando Vara, seu amigo de infância, diz-lhe:
- Cuidado Zé, tens o telemóvel no bolso!!!·
E o Sócrates grita:
- MMMEEERRRDDDAAAA!!!!!!!!!!

O Cu dos outros!

Um rapaz entra numa farmácia e diz ao farmacêutico:
- Quero a melhor vaselina que o senhor tiver, porque hoje eu vou comer um cúzinho que é um espetáculo!
O farmacêutico buscou um produto e entregou ao rapaz.
- Quanto custa?
- São 3,20 euros.
O rapaz disse:
- O senhor não entendeu. Hoje eu vou comer um cúzinho que é o melhor da cidade, é uma maravilha e eu não posso usar uma vaselina qualquer. Quero o que existir de melhor!
O farmacêutico pegou KY, explicou que era produto importado, de altíssima qualidade e entregou ao rapaz.
- Quanto custa?
- São 50,00 euros.
O rapaz, novamente, reclamou:
- O senhor continua sem entender. Hoje eu vou comer um cúzinho que é inacreditável, é uma coisa do outro mundo, não tem como explicar e eu não posso usar um produto qualquer. Repito: quero o que existir de melhor!
O farmacêutico então foi até aos fundos da farmácia, abriu um pesado cofre e voltou com um frasquinho minúsculo nas mãos:
- Este gel lubrificante está sendo desenvolvido por uma grande empresa farmacêutica. É um produto experimental, sensitivo, antialérgico, anestésico e este frasquinho, de apenas 20 ml custa 500,00 euros.
- Isto! Agora sim! O senhor entendeu o tipo de produto que eu preciso, pois hoje vou comer um cuzinho que é simplesmente perfeito!
O rapaz pagou, pegou o pacotinho e saiu. Um velhinho, que estava quieto na ponta do balcão e assistiu toda a cena, comentou, ironicamente com o farmacêutico:
- Vai comer cúzinho porra nenhuma! Ele vai é dar o cú!
- Como é que o senhor pode afirmar isso?
- Ora, onde já se viu alguém preocupar-se tanto com o cu dos outros....